WALDEMAR BASTOS

Angola



Músico e compositor natural de M'Banza Congo, junto à fronteira de Angola com a RD Congo gravou o seu primeiro álbum no Brasil, "Estamos Juntos", um marco na sua carreira, que contou como convidados especiais, entre outros, Chico Buarque, João do Vale, Dorival Caimmy, Martinho da Villa e Novelli. Em meados dos anos oitenta regressa a Portugal, e em 1990 grava o seu segundo disco, Angola, Minha Namorada. Em 1995, a editora Luaka Bop, lança no mercado o disco "Afropea – Telling Stories to the Sea",  uma antologia de artistas lusófonos onde aparecem entre outros: Waldemar Bastos, Bonga, Cesária Évora, Dany Silva, Vum-Vum e André Mingas. Luaka Bop editou Pretaluz/Blacklight , gravado em Nova Iorque e produzido por Arto Lindsay. O álbum teve excelentes críticas da imprensa internacional. O New York Times considerou-o como “um dos melhores discos de World music da década”. Já em 2010 "Classics Of My Soul" é um dos álbuns desse ano na categoria de World Music para o jornal francês Libération. O seu próximo disco sairá em Abril de 2017.





WALDEMAR BASTOS - Angola